quinta-feira, 8 de julho de 2010

Sul da Itália: Palermo



Agora sim, como vou falar do último "posto" visitado ao sul, posso confessar que no meio da viagem deu um desânimo. Tudo aconteceu em Napoli... como esse blog não tem fins lucrativos, posso falar tudinhoooo, então lá vai: Não gostei de Napoli, a cidade é uma loucura, cada cruzamento vem acompanhado de uma oração para ao menos sair vivo se não der para salvar o carro, pilhas de lixo por todo o canto, italianos mais calorosos ... e para completar, o medo nos acompanhava (afinal todas as pessoas que se dirigiram à nós - desde a locadora do carro, até o motorista do ônibus e o responsável do hotel - nos diziam para termos cuidado com os roubos). Poxa, foi um banho de água fria. Ficamos lá só para dormir, mas como seguiríamos viagem para a Sícilia, mais ao sul ainda, achamos que as coisas poderiam piorar.

E foi com esse clima que chegamos à Palermo e fomos agraciados com TUDO ao contrário das nossas expectativas negativas! Coisa boa quando é assim, né? A cidade é muito bonita, mantém a maior característica do sul que são as belezas naturais, mas ela é bem cuidada! Existe todo o tipo de influência arquitetônica, afinal a Sicília já foi um pouco de todos, mas o principal acho que foi a influência grega. 








Ah, foi em Palermo que visitamos uma das igrejas católicas mais "felizes" que já vi: a Chiesa del Gesú. Por fora não chama em nada a atenção, mas ao entrar... Linda e estava sendo preparada para um casamento no dia :) Encontramos um senhor que nos contou que a igreja tinha sido bombardeada na segunda guerra e fotografei a parte reconstruída, pois ficou perfeita.








... e na hora de ir embora, no aeroporto, sem nada para fazer... fui bater foto da "máquina de pizza", porque achei fantástica. Eu fui mesmo para comprar, pois tinha que provar a pizza que é feita por uma máquina desde a massa... na hora... na sua frente... em 2,5 minutoooos!!! Mas a danada tava fora de serviço :( Ou será que era pegadinha?? :)


Beijos,

3 comentários:

Val e Enio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Val e Enio disse...

Hehehe... nossa ida a Napoli também foi uma tragédia! Acho que já contamos, né? Não gostei de Napoli.. e olha que meus antepassados italianos eram de lá (maledeto Guerino!!). Mas, quem sabe numa segunda vez a gente se encante, né? A máquina de pizza eu já tinha ouvido falar, pena tu não ter provado! Beijo!

Aline disse...

Ai Val, que bom saber de outra pessoa que não se agradou de Napoli. O povo era super gentil, mas a cidade precisa de mais cuidado... Beijos!

Postar um comentário